ENTRAR

quinta-feira, 23 de junho de 2011

16ª Bienal de Cerveira 2011 - 16 de Julho a 17 de Setembro

“REDES” é o tema central da 16ª edição da Bienal de Arte de Cerveira agendada para decorrer entre 16 de Julho a 17 de Setembro de 2011 numa edição que ficará marcada pelo “upgrade do conceito de base”.

O programa do evento inclui um concurso internacional, artistas convidados, uma exposição de um artista homenageado, 6 projectos curatoriais internacionais, um ciclo de performances, residências artísticas em regime de ateliers/workshops, debates com a participação de artistas, curadores e directores de outras bienais internacionais, visitas orientadas às exposições, indústrias criativas e concertos.

Além disto, de acordo com José Manuel Carpinteira, Presidente do Conselho de Administração da Fundação Bienal de Cerveira, esta edição ficará também marcada pelo lançamento projecto do Centro de Arte Contemporânea/Museu da Bienal de Arte de Vila Nova de Cerveira, uma das principais aspirações do Concelho de Vila Nova de Cerveira para consolidar a sua estratégia de promoção territorial através da marca “Vila das Artes” e perdurar o espólio resultante dos 32 anos de história da Bienal Internacional de Arte de Vila Nova de Cerveira do certame.

Este constitui o terceiro pilar da acção da Fundação Bienal de Cerveira e prevê-se que venha a ser um marco importante em termos arquitectónicos e urbanos, por um lado, e um repositório das últimas três décadas da arte contemporânea em Portugal, sendo que o projecto poderá estar concluído até ao final de 2012.

Com a escolha tema “REDES 2011” a Fundação Bienal de Cerveira procura fomentar estratégias para o estabelecimento de diálogos entre outras bienais internacionais abrindo também, desta forma, as portas a artistas e criativos de todo o mundo, proporcionando-lhes condições de trabalho, instalações para apresentação de trabalhos e oportunidades de investigação, discussões e debates com intercâmbios internacionais em diversas áreas de expressão artística.

A 16ª Bienal de Cerveira mantém-se estruturada segundo o modelo que a caracterizou ao longo dum percurso iniciado em 1978, mantendo-se a Direcção Artística a cargo de Augusto Canedo, mas agora estende a sua área de exposição desde o Fórum Cultural, ao Auditório Municipal, à Casa Vermelha e a outros espaços externos a Vila Nova de Cerveira, nomeadamente na Galiza, numa área total de cerca de 5000 metros quadrados.

0 comentários :

Publicar um comentário

English Destinoslusos Version Spain Destinoslusos Version French Destinoslusos Version German Destinoslusos Version