ENTRAR

quinta-feira, 28 de novembro de 2013

Feira Internacional de Minerais, Gemas e Fósseis em Lisboa 2013

A Feira Internacional de Minerais, Gemas e Fósseis decorre de 5 a 8 de Dezembro de 2013 no Museu Nacional de História Natural e da Ciência em Lisboa e constitui uma grande festa do Museu e uma marca na vida cultural da cidade.

Esta reúne coleccionadores e comerciantes de minerais, gemas e fósseis, oriundos de vários países da Europa, bem como um vasto público. 

Como habitualmente, paralelamente à Feira, terá lugar um programa complementar de actividades de divulgação cultural e científica destinadas a jovens e adultos, este ano sob o tema geral “Cristais” .

A Feira este ano é dedicada aos aspectos essenciais dos minerais, ou não ocorressem estes quase invariavelmente como cristais: o estado cristalino é uma característica basilar dos minerais. A maioria das propriedades dos minerais, sobretudo físicas, resultam do estado cristalino: por exemplo clivagem, propriedades ópticas e sobretudo o facto de os cristais serem, quando as condições de crescimento o permitem, limitados por faces planas.

A observação cuidada dos cristais limitados por faces planas, e sobretudo a medição dos ângulos entre as faces destes cristais, permitem descortinar as características essenciais da matéria cristalina, que desafiaram os melhores espíritos durante séculos. A história da sua compreensão é apaixonante, e será contada durante a Feira. É uma história de mentes brilhantes.

Nos nossos dias, as ferramentas para o estudo dos cristais são muitas e variadas, de simples a extremamente complexas. Algumas estão ao alcance do mineralogista amador, e permitem muitas observações interessantes.

Uma das principais conclusões do estudo dos cristais é a presença de simetria, em graus variáveis. A simetria exige regularidade na distribuição das partículas (átomos e iões), e é possível provar que existe um número limitado de maneiras de ocupar regularmente o espaço, condicionadas pela simetria. Simultaneamente, muitos operadores de simetria não são compatíveis com as redes cristalinas, como eixos de grau 5. Uma descoberta recente foi a de “quasicristais” naturais.

Estes e muitos outros pontos serão desenvolvidos nas conferências de divulgação que terão lugar durante a XXVII Feira, de forma muito simples e atraente.

HORÁRIO:       
5 Dezembro – das 15.00 h às 20.00 h
6 e 7 Dezembro – das 10.00 h às 20.00 h 
8 Dezembro – das 10.00 h às 18.00 h

LOCAL:
MUSEU NACIONAL DE HISTÓRIA NATURAL E DA CIÊNCIA
Rua da Escola Politécnica, 60. 1250-102 Lisboa

(entrada livre)

0 comentários :

Enviar um comentário

English Destinoslusos Version Spain Destinoslusos Version French Destinoslusos Version German Destinoslusos Version