ENTRAR

terça-feira, 4 de março de 2014

Tajo/Tejo Vivo 2014 - Festival Gastronomia e Restaurantes Aderentes

No dia 1 de Março inicia um festival gastronómico ibérico em mais de 50 restaurantes dos territórios situados nas margens do Tejo. Promover a gastronomia e os produtos associados ao rio, envolvendo os estabelecimentos de restauração, produtores de vinho, azeite, enchidos e fumeiro locais é um dos objectivos deste evento português e espanhol que se prolongará por todo o mês de Março.

A actividade surge no âmbito do Tajo/Tejo Vivo e pretende a valorização e promoção, não só da gastronomia associada ao rio, como também a típica das regiões junto ao Tejo e os seus produtos, incentivando o consumo dos mesmos. 

E por outro lado, estimular o trabalho em rede a nível Ibérico dos restaurantes, produtores e das Associações de Desenvolvimento Local parceiras neste projecto de cooperação.

O Tajo/Tejo Vivo abrange municípios desde Castilla (Espanha) ao Ribatejo (Portugal) e neste 1º Festival Gastronómico decorrerá, nomeadamente, em 57 restaurantes localizados em Talavera, Sierra de San Vicente y la Jara, Castilla la Mancha (Espanha), Raia Centro Sul, Pinhal Interior, Sôr e Ribatejo (Portugal). 

Pimientos de piquillo rellenos de boletos com crema de morcilla, ensalada de hiros, revuelto de morcilla conpiñones, solomillo, presa ibérica são alguns dos pratos castelhanos. Já no território nacional, a restauração terá maranhos, bucho, cabrito assado, ensopado de borrego, sopa de peixe do rio, pratos de sável, fataça, achigã, enguias, lúcio, lampreia e pratos de caça. A que também se juntam açordas, migas e cozinha fervida. 

Neste festival desafiam-se também os produtores de vinho, azeite e enchidos que durante o mês da acção poderão realizar provas dos seus produtos, visitas guiadas a instalações, vinhas e olivais.   

O Tajo/Tejo Vivo é um projecto de cooperação ibérica, apoiado pela abordagem LEADER, do Programa de Desenvolvimento Rural (ProDeR) e assenta numa estratégia comum, inovadora e sustentável, de forma a contribuir para o aumento da competitividade e desenvolvimento social, económico e ambiental desses locais, e os afirme, como um destino turístico consolidado.

A TAGUS – Associação para o Desenvolvimento Integrado do Ribatejo Interior é a chefe de fila portuguesa, onde integram as Associações de Desenvolvimento Local ADIRN – Ribatejo Norte, ADRACES – Raia Centro-Sul, APRODER – Ribatejo, LEADER SÔR e Pinhal Maior. Já do lado de Espanha, os parceiros são a ADAC -Alcarria y la Campiña, ADC – Tierras de Talavera, Sierra San Vicente y la Jara,  ADECOR – Oropesa, ADESVAL - Valle Alagón, ADISGATA – Sierra de Gata, Castillos del Medio Tajo, FADETA – Tajuña, Montes de Toledo, Valle del Jerte, TAGUS – Tajo, Salor, Almonte, coordenados pela ARACOVE - Aranjuez Comarca de Las Vegas.

0 comentários :

Enviar um comentário

English Destinoslusos Version Spain Destinoslusos Version French Destinoslusos Version German Destinoslusos Version